Colégio On-line
Instituições Vicentinas
(45) 3521-6700
(45) 99126-5727

Escola de Pais 2022

Fale Conosco




A Escola de Pais do Colégio Vicentino São José tem como objetivo criar um ambiente de construção e interação dos saberes entre famílias e escola, através de um diálogo contemporâneo, que abarque tanto a escuta ativa, quanto o auxílio em direcionamentos que facilitem as tramas psicossociofamiliares. Ainda, propor um espaço escuta ativa para os pais, assim, estabelecendo temáticas conforme as demandas geradas por eles através da abertura de um ambiente propício ao diálogo, auxiliando como facilitador para a compreensão dos cenários atuais a que as famílias estão expostas.

Serão realizados encontros, em grupo, que acontecerão 01 (uma) vez por mês, com duração de, no máximo, 02 (duas) horas. Os encontros serão realizados de forma expositiva, com a participação de um profissional referente a temática abordada. 

O diálogo entre Família e Escola de forma contínua busca construir espaços de reflexão e produção de estratégias para as demandas, mais diversas, apresentadas nesta relação. O intento de uma Escola de Pais é proporcionar ações de caráter preventivo e psicoeducativo.


PARA APROFUNDAR:


A família é considerada como uma importante instituição de aprendizagem dos alunos, pois é nela que se dão as suas primeiras experiências que constitui o capital cultural que lhes é transmitida (GOMES,1994). O diálogo entre Família e Escola de forma contínua busca construir espaços de reflexão e produção de estratégias para as demandas, mais diversas, apresentadas nesta relação. O intento de uma Escola de Pais é proporcionar ações de caráter preventivo e psicoeducativo.

O envolvimento de pais não só contribui com todo o processo escolar como também coopera para uma melhoria dos ambientes familiares, no sentido de provocar uma maior compreensão do processo de crescimento e, portanto, da aprendizagem dos estudantes, e eventualmente poderá influenciar positivamente o curso do desenvolvimento das crianças, como o rendimento escolar. Bastiani (1993) afirma que o envolvimento de pais com a escola passou a ser considerado nos últimos anos como uma preocupação necessária e legítima e não pode ser mais uma opção extra que as escolas poderiam ou não ter. Estudos nacionais salientam a importância do contato com os pais em outras situações que não sejam somente as extremas e problemáticas (Pinheiro, apud Ferraz, 1986; Falcão Filho, 1989; Smolka, 1989; Pinto, 1985). A família, em decorrência dos avanços sociais, econômicos e tecnológicos, tem mudado os seus papéis, suas obrigações e sua estrutura tradicionais. A escola tem também avançado para oferecer aos alunos uma educação pertinente à nossa época. A aproximação das duas instituições é uma tentativa de rever esses papéis tradicionais e, acima de tudo, visando melhorar a condição de vida e educação das nossas crianças. Para os pais, o ato de ouvi-los pode ajudar a mostrar a importância das emoções e opiniões deles para a instituição, criando um ambiente de acolhimento, interação e especialmente confiança.


Voltar