Colégio Online
Instituições Vicentinas
(45) 3521-6700
(45) 98817-3501

Leituras em CONEXÃO - Dia Nacional da Literatura Infantil

Fale Conosco
18 de abril, o Dia Nacional do Livro Infantil. Essa data é um reconhecimento à importância da literatura voltada às crianças, fonte de estímulo à criatividade e à imaginação de seus leitores.

O Dia Nacional do Livro Infantil foi criado pela Lei no 10.402, de 8 de janeiro de 2002: Art. 1º: "Fica instituído o Dia Nacional do Livro Infantil, a ser comemorado, anualmente, no dia 18 de abril, data natalícia do escritor Monteiro Lobato”. 

A data foi escolhida para homenagear o escritor Monteiro Lobato, considerado um dos mais importantes escritores da literatura infantil brasileira.

 
Para celebrar o dia Nacional do Livro Infantil e ao Dia de Monteiro Lobato, confira dicas de leitura:
 
- O Picapau Amarelo – Monteiro Lobato – Editora Globo – (Coleção Monteiro Lobato). Depois de receber uma carta do Pequeno Polegar, Dona Benta aceita ter os habitantes do País das Maravilhas como os novos moradores do Sítio do Picapau Amarelo. Com a presença de Peter Pan, Dom Quixote, Branca de Neve, Aladim, Gata Borralheira e muitos outros personagens, o Sítio se torna palco de grandes aventuras e muitas confusões, como quando o Mar dos Piratas transbordou e alagou o castelo da Branca de Neve, causando medo na princesa e nos anões. Sem falar no triunfante resgate dos anões da torre ilhada pelos piratas do “Hiena dos Mares”, que depois tornou-se o “Beija-Flor das Ondas”, o iate de passeio da Turma do Sítio. Essas e muitas outras reinações estão por vir no Picapau Amarelo, o incrível sítio onde tudo pode acontecer.
 
- Caçadas de Pedrinho – Monteiro Lobato – Editora Globo – (Coleção Monteiro Lobato). Nessa história, Pedrinho e uma expedição formada por Narizinho, Emília, Rabicó e Visconde de Sabugosa vão à caça de uma onça-pintada escondida na mata de taquaraçus perto do Sítio do Picapau Amarelo. Com muita valentia e um pouco de medo, essa turma arma a maior confusão entre os animais silvestres e se aventuram numa caçada arriscada, divertida e cheia de surpresas.
 
- Histórias de Tia Nastácia – Monteiro Lobato – Editora Globo – Se folclore é a sabedoria do povo, quem melhor que Tia Nastácia para contar histórias e causos do Folclore Nacional? Em torno da cozinheira do Sítio do Picapau Amarelo, Pedrinho, Narizinho e Emília passam horas ouvindo desde clássicas fábulas da literatura mundial e contos populares brasileiros. São 43 histórias contadas por Tia Nastácia.

- Reinações de Narizinho – Monteiro Lobato – Editora Círculo do Livro - Reinações de Narizinho reúne as onze histórias que Lobato começou escrevendo em 1920. Surge ali Narizinho, Pedrinho, o Visconde, Rabicó, Tia Nastácia, e, claro, Emília, que comanda todas as travessuras em um misto de realidade e fantasia, trazendo à cena personagens clássicos da literatura infantil mundial, como Cinderela, Branca de Neve, o Gato Félix, todos ilustres convidados de cada uma das festas.
 
- A chave do Tamanho - Fábulas – Monteiro Lobato – Editora Círculo do Livro - A obra infantil mistura ficção e realidade e apresenta o conflito para as crianças através do olhar de Emília. A jovem boneca de pano deseja encontrar a casa das chaves para poder desligar a chave da guerra e assim salvar uma série de pessoas. No livro de fábulas Monteiro Lobato reconta muitas das fábulas de Esopo e La Fontaine e publica algumas de sua própria autoria. As histórias são narradas por Dona Benta e sempre estão acompanhadas de perguntas e críticas da turma do Sítio do Picapau Amarelo. 

 

Voltar